Notícias

Escravo ou livre, o que sou?

Esta pergunta parece um tanto boba, você que está a ler agora, deve está a dizer: "Claro que sou livre, não cometi crime algum, não estou preso, tenho o direito de ir e vir garantido pela constituição, trabalho, sou dependente, vou aonde quero, faço o que quero, enfim, sou uma pessoa totalmente livre." E eu vos pergunto: Será que é mesmo? E se analizarmos esta questão por outra ótica, a ótica de Deus, será que diante dEle és uma pessoa escrava ou livre?

Para sabermos, vamos consultar a sua palavra: "a Bíblia Sagrada" lá encontraremos a resposta para essa pergunta, creio que a esta altura, já deves está com alguma curiosidade em saber, se diante de Deus és uma pessoa escrava ou livre.

Ora bem, vamos então abrir a Bíblia, e ver o que Deus diz, no livro de João 8:32-36 diz: "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. Responderam-lhe: Somos descendência de Abraão, e nunca servimos a ninguém; como dizes tu: Sereis livres? Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é escravo do pecado. Ora o escravo não fica para sempre em casa; o Filho fica para sempre. Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres."

Nesta ocasião, vemos Jesus chegar diante dos judeus religiosos e dizer que eles eram escravos, e a resposta deles deve ter sido parecida com a sua no início: "Somos livres e jamais fomos escravos" mas como já deves ter percebido, a escravidão em causa aqui, não é a escravidão física, não é está preso em algum lugar ou sujeito a alguma pessoa, e sim, está sujeito ao pecado, Jesus disse: "em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é escravo do pecado"

A bíblia diz que, o pecado entrou no mundo através de Adão, e desde então, a natureza pecaminosa foi passada de homem para homem, como está escrito em Romanos 5:12 "Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram." O rei Davi também sabia muito bem disso, por isso escreveu em Salmos 51:5 "Eis que em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe." ou seja, já nascemos com a natureza pecaminosa, sob a escravidão do pecado.

Sabendo disso, o que então podemos fazer para sermos libertos? Jesus disse: "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará." Jesus diz que a verdade nos liberta, e não só isso, nós temos que conhecer a verdade, para ela venha nos libertar, mas que verdade é essa? O próprio Jesus responde em João 14:6 "Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim." Jesus Cristo é a verdade que liberta o homem da escravidão do pecado, mas não basta só saber que Ele é a verdade que liberta, como Ele mesmo disse: "E conhecereis a verdade" temos que conhecer essa verdade, mas este "conhecer" não é apenas saber quem foi Jesus, o que Ele fez ou o que Ele disse, conhecer a Jesus é, antes de mais nada, receber a Ele como único e suficiente Senhor e Salvador de nossas vidas, crer no seu sacrifício vicário, que pode nos libertar da escravidão do pecado e passar a viver uma vida de comunhão e intimidade com Ele, em Apocalipse 3:20 Jesus diz: "Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo." esta porta que Jesus está a bater, é a porta do nosso coração, basta que nós abramos o nosso coração para Ele entrar, e nos libertar da escravidão do pecado, no qual resulta a morte e separação eterna de Deus e nos dá a vida eterna com Ele, como está escrito em Romanos 6:23 "Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor." para que depois de libertos possamos dizer como está escrito em Colossenses 1:13 "Ele nos libertou do império das trevas e nos transportou para o reino do Filho do seu amor, no qual temos a redenção, a remissão dos pecados. " e tambem em Apocalipse 1:5b-6 "Àquele que nos ama, e, pelo seu sangue, nos libertou dos nossos pecados, e nos constituiu reino, sacerdotes para o seu Deus e Pai, a ele a glória e o domínio pelos séculos dos séculos. Amém! " agora sim posso dizer: "Agora sou verdadeiramente livre, pois Jesus me libertou" como está escrito em João 8:36 "Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres."

Mas atenção, a bíblia diz em Gálatas 5:1 "Para a liberdade foi que Cristo nos libertou. Permanecei, pois, firmes e não vos submetais, de novo, a jugo de escravidão. " então, permaneça firme em Cristo Jesus, se esforçando em ter uma vida reta e agradável aos Seus olhos, e sempre procurando desviar-se do pecado, para que possamos permanecer livres, até o dia em que Ele virá nos buscar para estarmos para sempre ao Seu lado. Ora vem Senhor Jesus!!!

E você, és escravo ou livre?

Autor: João Paulo Martins